Etiqueta: <span>dores de coluna</span>

Problemas relacionados ao esporte? Entenda porque e como prevenir.

Esportes que dão mais problemas de dores e lesões no brasil?

Claro que é o futebol, não poderia ser diferente ne?! Mas é claro que  não só o futebol tem alto risco de lesão, qualquer esporte em que haja breques e arranques explosivos tenderá a colocar toda a estrutura músculo articular sob forte pressão. Esportes como o tênis e o basquete são outros em que a competitividade em excesso sobre um aparelho (corpo) sem muito preparo, sucumbem a lesões.

Qual o fator mais importante para se prevenir de lesões do esporte?

De longe é a ativação e flexibilidade muscular juntamente com o treino proprioceptivo das articulações, só assim o corpo terá uma vantagem sobre o ambiente, de forma a reagir com rapidez e suportando as altas tensões geradas pelos esportes. Sem isso muito provavelmente um atleta amador e principalmente um profissional pagará a conta cedo ou tarde. Meio que um contrassenso mas na verdade o corpo quanto mais se usa melhor ele fica. Isso serve inclusive para a melhor idade ou pra pessoas que sofrem de dores cronicas.

E se eu ja me lesionei, o que posso fazer sozinho?

Qualquer tipo de lesão aguda, de origem traumática ou ortopédica pode-se aplicar gelo de imediato. Tirando algumas situações como dores musculares, que reagem melhor ao calor. Porém, fora as musculares todas as outras a aplicação de gelo por 20 min a cada 2h reduz a dor, o inchaço e acelera a cicatrização da lesão de forma significativa.

Caso o problema persista por muito tempo ou a dor for demasiada intensa procure um fisioterapeuta de confiança para avaliar melhor a situação.

Veja mais no vídeo abaixo! 

fred-fisioterapia-hernia-de-disco

O que é hernia de disco? Qual o tratamento para hernia de disco?

Para falarmos sobre hérnia de disco precisamos primeiramente entender o que é hérnia e o que é disco.

O disco intervertebral é uma estrutura cartilaginosa que separa e proporciona amortecimento e mobilidade para a coluna vertebral, desde a coluna cervical ate a coluna lombar, e em qualquer um desses segmentos pode-se ter hérnia, que nada mais é do que o deslocamento, herniação, do disco para fora de seu posicionamento ideal, podendo ou não ter seu núcleo macio, ou núcleo pulposo, expulso do centro do disco.

Hérnia de disco - tipos, causas, sintomas, tratamentos - Ortopedia ...

O tratamento pode ser feito de forma medicamentosa via oral ou via local, como é o caso das infiltrações ou bloqueios.

O problema é que a hernia não se forma espontaneamente, portanto, se não for solucionado o porque essa hernia se formou as medicações vão servir apenas como alivio temporário e após algum tempo a reincidência é garantida na maioria dos casos. Seria como se secassemos a agua que esta vazando mas nao fechassemos a torneira.

E é exatamente “fechar a torneira” que terapias como a osteopatia e a quiropraxia trabalham.

Nessas técnicas identificamos através de testes e sinais qual seria a origem primaria, portanto o porque dessa condição estar presente.

Sabendo disso atuamos no desbloqueio da condição através de manobras ósseas, musculares, ligamentares, etc. até conseguirmos desmontar todo o padrão patológico existente e com isso eliminar os sintomas de forma definitiva sem a necessidade de cirurgias.

O tratamento varia caso a caso mas, normalmente, não leva mais do que dois meses de intervenções, sendo de fato um tratamento com taxa de sucesso acima dos 90%.

Caso tenham alguma duvida entre em contato pelos comentários ou pelos telefones (16) 99167-9057 e (16) 99117-3434.

Fred Soares.

Osteopatia, Quiropraxia e Acupuntura em Franca SP

Desde que comecei a trabalhar com osteopatia e quiropraxia ou acupuntura tenho tido, sem demagogia ou falsa modéstia, uma taxa de sucesso acima de 80% em se tratando de dores de coluna lombar, torácica e cervical (90% dos casos) e membros que são afetados tanto por dores irradiadas dos problemas axiais quanto por problemas pontuais em articulações.

Claro, que na maioria das vezes preciso de ao menos 3 consultas para uma melhora relatada de ao menos 80%. Apos a alta consequentemente encaminho o paciente para exercícios de fortalecimento e alongamentos que atuarão como manutenção da melhora a longo prazo, com algumas consultas de manutenção, na maioria das vezes uma vez ao mês.

Percebo contudo que o mais difícil no processo terapêutico é a entrega do paciente à terapia, tanto no sentido de assiduidade das consultas quanto no sentido de entender que o tratamento ira mudar seu padrão corporal e isso de inicio pode gerar alguns desconfortos até que a mudança seja de fato definitiva.

E essas fase de adaptação provavelmente exigira deste paciente mudanças de sua rotina, como a quebra de alguns paradigmas ou mudanças de padrões cotidianos.

Sendo assim entendo que a busca pela terapêutica e assim sendo pela melhora de algo que incomoda, deve começar no plano energético, isto é, na vontade.

Se preparar para mudanças e para enfrentar uma fase de transformações exige planejamento e atitude, algo que é pre requisito para qualquer coisa que realmente faz sentido na vida.

Portanto se você deseja mudanças na sua saúde e no alivio de dores se prepare e faça, pois todo o universo conspirará para que se torne real!!

Espondilolistese: o que é e quais são as suas causas?

Ola pessoal, hoje um novo assunto bem comum entre as causas de dores na coluna lombar principalmente. É a espondilolistese.

O nome vem do grego Espôndilo (vértebra) listese (escorregamento), portanto se trata de um deslizamento, escorregamento de uma vértebra sobre outra. Isso pode gerar muito incômodo e dores localizadas ou irradiadas, dependendo de onde ocorre a listese. Sendo este mais comumente localizado na coluna lombar. Entre outros fatores que contribuem para o maior acometimento da coluna lombar, o fato de ocorrer nesse segmento a curvatura lordótica, que naturalmente projeta o corpo vertebral anteriormente.

A espondilolistese pode ser classificada em até 5 graus, dependendo da intensidade do escorregamento, sendo que a primeira indica apenas uma leve anteriorização de um corpo vertebral sobre outro e a ultima uma ptose, isto é, uma luxação de uma vértebra sobre a outra, o que poderia acarretar inclusive a paraplegia.

Veja alguns tipos de causa da espondilolistese :

  • Degenerativa: geralmente causada por alterações na coluna pelo processo de envelhecimento. E pode ser mais comum em mulheres, normalmente atingindo a região lombar;
  • Ístmica: formada por defeito vertebral ou má formação. Pode aparecer mais em crianças e adolescentes;
  • Traumática: gerada por quedas e acidentes que resultam em fraturas ou traumas na região, levando ao deslizamento das vértebras;
  • Displásica: costuma ocorrer na região lombar, entre as vértebras L5 e S1. Pode ser mais comum em adolescentes e acontece quando os ossos não suportam a força exercida e deslizam;
  • Patológica: mais rara, é resultado de uma doença óssea ou tumor na região.

As mais comuns são as ístmicas e as degenerativas, sendo que essas últimas as que mais aparecem no consultório.

No tratamento deve ser considerado que até o grau 2 de escorregamento o prognóstico é muito bom, sendo que os sintomas de paresia e parestesia ainda se apresentam em grau leve e a dor pode ser eliminada após algumas sessões de osteopatia associada ao RPG.

Fortalecimento da região

O fortalecimento da região do CORE aumenta a resistência às oscilações vertebrais o que ajuda a “firmar” a vértebra em uma posição de maior estabilidade, mais difícil de se movimentar mediante solicitações ambientais.

Tratamento Cirúrgico

O tratamento cirúrgico deve ser solicitado quando os sintomas não cessam ou quando o grau de escorregamento é superior à 4. Nesse caso faz-se uma fixação das vértebras conhecido como artrodese e a mobilidade é reduzida drasticamente, comprometendo a qualidade de vida do paciente. Portanto, é necessário que aja consciência antes de encarar uma cirurgia desse porte e a fisioterapia tem o papel fundamental de prorrogar o quanto puder essa opção de risco.

Bom espero ter ajudado em algum esclarecimento e qualquer dúvida comentem!!

Abraço…

Quiropraxia é bom para hérnia de disco?

A hérnia de disco ocorre quando o disco intervertebral se “desloca” em direção a medula ou mesmo o recesso lateral, onde passa as raízes nervosas que vão compor os nervos das extremidades do corpo, vísceras e nervos sensitivos que nos faz o sentir na pele.

 

  A faixa etária dos acometidos é entre 35-55 anos. Os sintomas são bem específicos e em muitos casos visíveis. Se a pessoa estiver com uma inclinação para frente e lateral (posição antálgica), estiver com dificuldade para realizar a marchar (andar claudicante) e com uma dor intensa no local (coluna Lombar especialmente) as chances de ser uma hérnia de disco são grandes. Porém outros sintomas são relevantes para o diagnóstico preciso, como por exemplo: dores que irradiam entre a coluna lombar até os pés (geralmente em um pé), formigamento na perna sem causa aparente, fraqueza nas pernas e em alguns casos o paciente fica acamado obrigatoriamente.

   A grande maioria das pessoas que vem aqui com o diagnóstico de Hérnia de Disco já se preocupam com uma possível cirurgia, primeiramente a condição que leva a cirurgia são na realidade duas: Trauma gravíssimo na coluna lombar e Síndrome da Cauda-Equina, são não houver essas condições confirmadas, sempre é importante considerar o tratamento conservador como a Quiropraxia.

Todo bom tratamento de Quiropraxia tem que ser composto de objetivos bem delineados e factíveis para alcançar o resultado desejado.

1 – Eliminar qualquer sintoma neurológico com irradiação para membros inferiores (Fraqueza, formigamento, adormecimento) – quer dizer que o nervo está novamente com sua passagem pelo forame intervertebral preservado ou mesmo a medula espinhal pela sua passa na coluna vertebral.

2 – Eliminar qualquer dor local decorrente a mudança funcional e estrutural da coluna. (Subluxação, encurtamento muscular e outros) – A maioria dos casos de Hérnia de Disco ocorre por mau cuidado em relação postura e a utilização da mecânica do corpo humano obviamente inclui a coluna vertebral. Portanto a correção funcional e mecânica é necessária.

3- Estabilização muscular e articular da região acometida –  (Fortalecimento e Propriocepção) – O fato de retirar as imperfeições mecânicas não quer dizer que está totalmente reabilitado pela Quiropraxia, é necessário fortalecer três grupos musculares: Os paravertebrais lombar, abdômen e glúteos com rotadores do Quadril. Assim teremos uma melhor tonificação muscular e isso consequentemente gera a estabilidade para utilização posterior da coluna lombar.

Temos que considerar as variantes de cada paciente, porem o tratamento para hérnia de disco na Quiropraxia (e seus benefícios) deve conter os 3 pontos de objetivos.

Em relação ao protocolo aplicado para correção, na Quiropraxia existe vários como protocolo de Cox, Mckenzie entre outros. Somente um Quiropraxista associado a ABQ (associação Brasileira de Quiropraxia) pode decidir o melhor caminho com segurança.

Todo bom tratamento de Quiropraxia tem que ser composto de objetivos bem delineados e factíveis para alcançar o resultado desejado.

1 – Eliminar qualquer sintoma neurológico com irradiação para membros inferiores (Fraqueza, formigamento, adormecimento) – quer dizer que o nervo está novamente com sua passagem pelo forame intervertebral preservado ou mesmo a medula espinhal pela sua passa na coluna vertebral.

2 – Eliminar qualquer dor local decorrente a mudança funcional e estrutural da coluna. (Subluxação, encurtamento muscular e outros) – A maioria dos casos de Hérnia de Disco ocorre por mau cuidade em relação postura e a utilização da mecânica do corpo humano obviamente inclui a coluna vertebral. Portanto a correção funcional e mecânica é necessária.

3- Estabilização muscular e articular da região acometida –  (Fortalecimento e Propriocepção) – O fato de retirar as imperfeições mecânicas não quer dizer que está totalmente reabilitado pela Quiropraxia, é necessário fortalecer três grupos musculares: Os paravertebrais lombar, abdomen e glúteos com rotadores do Quadril. Assim teremos uma melhor tonificação muscular e isso consequentemente gera a estabilidade para utilização posterior da coluna lombar.

Temos que considerar as variantes de cada paciente, porem o tratamento para hérnia de disco na Quiropraxia deve conter os 3 pontos de objetivos..

Devemos lembrar que levou tempo para o corpo atingir certo grau de degeneração, então é normal e compreensivo esperar um determinado tempo para sua recuperação.

Removendo-se a subluxação articular e devolvendo o bom funcionamento e uma congruência ideal para articulação, há um alívio dos sintomas e remissão da dor.

Procure um quiropraxista e viva bem e com plenitude…

O que é Quiropraxia?

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Quiropraxia é uma profissão da saúde que lida com o diagnostico, tratamento e a prevenção das desordens do sistema neuro-músculo-esquelético e dos efeitos destas desordens na saúde em geral. Há uma ênfase em técnicas manuais, incluindo o ajuste e/ou a manipulação articular, com um enfoque particular nas subluxações.

Veja essa matéria sobre Quiropraxia : 

Essa matéria mostra quais são as indicações, sinais e sintomas que a quiropraxia pode ajudar a resolver. Casos como dores de coluna, dores na região cervical, torácica, lombar, ciático, entre outras são as principais indicações para essa técnica da fisioterapia.

Os conceitos da Quiropraxia

Os conceitos e os princípios que distinguem e diferenciam a filosofia da Quiropraxia de outras técnicas da fisioterapia são de grande importância para os quiro praxistas e influenciam profundamente a atitude e a abordagem destes em relação à atenção à saúde.

A relação da Quiropraxia

A relação entre a estrutura, particularmente a coluna vertebral e a função do sistema músculo-esquelético especialmente coordenadas pelo sistema nervoso, constitui a essência da Quiropraxia e o seu enfoque para a restauração e preservação da saúde.

Prática da Quiropraxia

O exercício da Quiropraxia enfatiza o tratamento conservador do sistema neuro-músculo-esquelético, sem o uso de medicamentos e procedimentos cirúrgicos. Causas e conseqüências biopsicossociais também são fatores significativos na abordagem do paciente.

dor no tornozelo

Dor no Tornozelo: Causas e Tratamentos

Introdução Você já teve dor no tornozelo? Se sim sabe como é limitante e como é difícil levar uma vida normal com …

Qual Esporte Escolher Para Evitar Dor nas Costas?

Você sabia que quatro em cinco pessoas sofrerão em algum momento de suas vidas de dor nas costas? Mas isso não significa …

CLÍNICA DE FISIOTERAPIA O QUE É? E COMO ENTENDER SUAS ESPECIALIDADES?

Bom, quando se pensa em clínica de fisioterapia logo vem a mente um espaço grande, com muitos aparelhos e pessoas indo …