Etiqueta: <span>acupuntura</span>

FASCITE PLANTAR, O QUE É E COMO IDENTIFICAR?

O que é fascite plantar?

fascite plantar ou fasceíte plantar é a inflamação da fáscia plantar dos pés. O pé é um estrutura fascinante que suporta todo o peso do nosso corpo, sofrendo, dessa maneira, um impacto intenso e constante.

A facite plantar tem um dos motivos mais frequentes de problemas nos pés em relação com dores no calcanhar. Microtraumatismos no osso calcâneo podem levar à formação do esporão. As mesmas lesões que, normalmente, desencadeiam o surgimento de uma condição chamada fascite plantar, isto é, inflamação da fáscia plantar – tecido que recobre a musculatura da sola do pé.

A fascite plantar ou fasceíte plantar é a inflamação da fáscia plantar dos pés. O pé é um estrutura fascinante que suporta todo o peso do nosso corpo, sofrendo, dessa maneira, um impacto intenso e constante.

A planta do pé é composta por estruturas elásticas (músculo) e rígidas (fáscia) que aumentam a eficiência do impulso da marcha e potencializam a força dos músculos. O esporão de calcâneo é caracterizado por um calo ósseo na base do osso calcâneo (na sola do pé) ou ainda na região posterior do calcâneo, bem próximo à inserção do tendão de Aquiles. 

Pessoas com a curvatura dos pés acentuada, que sofrem com o sobrepeso ou que trabalham em pé durante muito tempo têm forte tendência a apresentar o problema. 

Fascite plantar – causas

Embora as causas da fascite plantar não sejam completamente conhecidas, alguns fatores de risco para o desenvolvimento da doença são conhecidos:

• Obesidade (excesso de peso) – índice de massa corporal (IMC) maior que 30
• Atividades esportivas (corrida, salto, dança), ou quando as pessoas estão de pé por longos períodos de tempo;
• A velhice;
• Pé cavo/ pé plano/padrões anómalos de marcha;
• Redução da dorsiflexão do tornozelo (menos de 0°)
• Retração dos músculos gastrocnêmio-soleo e bíceps femorais;
•Doenças inflamatórias secundárias a nível sistêmico.


É controverso se a presença do esporão do calcanhar contribui para os sintomas. Deve-se notar que entre 11 e 46% dos pacientes com esporas de calcanhar são assintomáticos, e em 32% dos pacientes com fascite plantar a presença do esporão de calcanhar não é encontrada.

Outros fatores de risco para o surgimento do esporão de calcâneo como usar, excessivamente, salto alto ou calçados que sejam pouco apropriados para os pés. Praticar esportes com forte impacto nos pés. Dança e corrida, por exemplo; pisar com o pé torto por longos períodos também podem desencadear esse problema.

Fascite plantar – tratamento

O tratamento para o esporão e para a fascite plantar é controlar a inflamação com repouso e gelo local. Mas nos casos em que há resistência, a melhor forma de tratamento é a fisioterapia que oferece exercícios e alongamentos bem específicos para os pés e as panturrilhas. A grande maioria dos pacientes responde muito bem ao tratamento com fisioterapia, assim como liberações miofasciais e manipulações de osteopatia e quiropraxia. A acupuntura pode ser associada sendo uma grande aliada no controle dos sintomas de dor.

Fascite plantar – prevenção

A prevenção deve ser enfatizada como a melhor das opções, portanto controlar o excesso de peso do próprio corpo para reduzir o estresse provocado sobre os pés; usar calçados adequados nas práticas esportivas e no dia-a-dia; evitar permanecer de pé por longos períodos e fortalecer, regularmente, a musculatura da planta do pé, certamente irão contribuir para que o problema não ocorra.

Problemas relacionados ao esporte? Entenda porque e como prevenir.

Esportes que dão mais problemas de dores e lesões no brasil?

Claro que é o futebol, não poderia ser diferente ne?! Mas é claro que  não só o futebol tem alto risco de lesão, qualquer esporte em que haja breques e arranques explosivos tenderá a colocar toda a estrutura músculo articular sob forte pressão. Esportes como o tênis e o basquete são outros em que a competitividade em excesso sobre um aparelho (corpo) sem muito preparo, sucumbem a lesões.

Qual o fator mais importante para se prevenir de lesões do esporte?

De longe é a ativação e flexibilidade muscular juntamente com o treino proprioceptivo das articulações, só assim o corpo terá uma vantagem sobre o ambiente, de forma a reagir com rapidez e suportando as altas tensões geradas pelos esportes. Sem isso muito provavelmente um atleta amador e principalmente um profissional pagará a conta cedo ou tarde. Meio que um contrassenso mas na verdade o corpo quanto mais se usa melhor ele fica. Isso serve inclusive para a melhor idade ou pra pessoas que sofrem de dores cronicas.

E se eu ja me lesionei, o que posso fazer sozinho?

Qualquer tipo de lesão aguda, de origem traumática ou ortopédica pode-se aplicar gelo de imediato. Tirando algumas situações como dores musculares, que reagem melhor ao calor. Porém, fora as musculares todas as outras a aplicação de gelo por 20 min a cada 2h reduz a dor, o inchaço e acelera a cicatrização da lesão de forma significativa.

Caso o problema persista por muito tempo ou a dor for demasiada intensa procure um fisioterapeuta de confiança para avaliar melhor a situação.

Veja mais no vídeo abaixo! 

Gelol, para que serve? Quando usar?

Olá pessoal!

Venho através deste trazer semanalmente informações sobre a área da saúde e bem-estar para vocês.

Em Franca tanto na área da Fisioterapia, quanto na osteopatia, quiropraxia e acupuntura tenho muitos pacientes e potenciais pacientes, e entendam isso como “atletas” de final de semana, que me queixam a respeito do uso de adesivos e sprays a base, quase sempre de cânfora para lesões e dores.

Quando usar? Para que serve? qual o melhor momento?então decidi falra sobre isso essa semana.

Bom, para entender melhor a indicação é necessário entender primeiro, o que é, certo?

Composição

Então, esse tipo de composto que associa normalmente mentol, salicilato de metila e cânfora tem o objetivo de gerar vasodilatação no local. Isso quer dizer que os vasos sanguíneos que chegam ao local a ser aplicado vão aumentar de calibre e com isso facilitar a chegada de sangue no local, ponto.

O aumento do aporte de sangue local traz consigo oxigênio e nutrientes, ao mesmo tempo, levar embora as toxinas provenientes da lesão, acelerando o processo de cicatrização.

Prós e Contras

Porém, como nem tudo são flores, o que não é noticiado na propaganda da TV é que em lesões articulares agudas, isto é, aquela lesão que esta “aquecida” pela inflamação não responde bem ao calor. Óbvio, pois o calor, nesse caso iria aumentar a inflamação local, sendo necessário, nesse caso, o uso do gelo.

Em dores musculares em que não ocorre uma inflamação significativa ou em dores mais cronificadas, isto é, dores “antigas” com mais de 3 dias, o uso desse tipo de pomada, ou spray é sim recomendada.

Recapitulando: Lesões ou traumas, pancadas, torções, pisões, caneladas, quedas usa-se gelo no momento e sprays depois de 3 dias.

Cãimbras, contraturas, estiramento (muito comuns em pernas de pau que “furam” a bola na pelada), nesse caso o spray é com certeza uma boa opção associado by the way  com uma massagem local, ok? 

Após sessões de osteopatia e quiropraxia também podem ser uteis para aliviar pequenos espasmos que tenham permanecido.

Espero que esse artigo seja de alguma utilidade e caso queiram me procurem no facebook ou no meu blog.

Boa semana a todos!

Para saber mais assistam o vídeo : 

Pensando em experimentar a Acupuntura? Leia Isto Primeiro!

A Acupuntura é uma nova e controversa ferramenta utilizada na medicina moderna de hoje. Pode ser um tratamento extremamente intimidante e confuso para aqueles de vocês que são novos na idéia. Uma vez que você tenha passado algum tempo pesquisando e aprendendo sobre o processo, de fato receber os tratamentos não vai parecer tão severo. Armado com o conhecimento abaixo, você pode estar confiante na sua decisão de receber tratamentos de acupuntura.

O que é Acupuntura?

A acupuntura é um conjunto de práticas terapêuticas inspirado nas tradições médicas orientais. Criada há mais de dois milênios, é um dos tratamentos médicos mais antigos do mundo. Consiste na estimulação de locais anatômicos chamados pontos de acupuntura.

De acordo com a tradição chinesa, a técnica é capaz de ajustar canais energéticos do corpo, chamados na acupuntura de meridianos, de acordo com equilíbrio de yin e yang. A medicina ocidental e moderna, contudo, sugere que o método estimule a liberação de substâncias químicas que alteram o sistema nervoso e podem ter efeitos em todo o corpo, promovendo o equilíbrio do organismo. Sendo assim, está muito associada a transtornos orgânicos resultantes de tensões emocionais como o estresse.

O diagnóstico é feito após o questionamento de diferentes aspectos da vida do paciente e a observação de manifestações físicas como a pulsação, a respiração, cor e aspecto da pele e da língua. Assim que o problema é identificado, o paciente pode ter alguns de seus mais de mil pontos de acupuntura estimulados em diversas e frequentes sessões.

Para que serve?

A acupuntura busca a recuperação do organismo como um todo pela indução de processos regenerativos, normalização das funções alteradas, reforço do sistema imunológico e controle da dor.

A técnica sobrevive há milênios mostrando benefícios a indivíduos com problemas gastrointestinais, respiratórios, musculares, urológicos, endocrinológicos, psicológicos e neurológicos, ginecológicos e até mesmo dermatológicos.

A acupuntura é especialmente indicada para a redução da dor em casos de fibromialgia e dores
localizadas nas costas, tratamento de náuseas e vômitos em pacientes que se submetem a quimioterapias ou cirurgias, e diminuição da tensão emocional.

Curiosidades

De acordo com a medicina chinesa, os meridianos energéticos que atravessam o corpo são afetados por energias “perversas”, que afetam o organismo de forma geral. Apesar de soar místico, a própria tradição ocidental considera que ventos, bactérias, vírus, lesões, traumas, ansiedades, frio ou calor constituam boa parte das energias “perversas”. A medicina moderna concorda.

O paciente tinha muita dor na mão

Nem apenas de agulhas vive a acupuntura: a estimulação de pontos de acupuntura pode ser feita também pelos dedos (acupressão), moxabustão (bastão incandescente que contém erva de artemísia), ventosas (copos que retiram energias estagnadas através do vácuo), magnetos (imãs usados para alivio de dor e melhora da circulação energética), pedras quentes, laser, entre outras técnicas. O importante, pregam os defensores da prática, é que os fluxos energéticos sejam retomados e a energia do corpo equilibrada.

O que fazer antes?

Antes de uma consulta de acupuntura, não coma uma refeição pesada. Você estará deitado de barriga para baixo a maior parte do tempo durante a sua sessão. Isto pode lhe causar desconforto no estômago se sua barriga estiver cheia. Ao invés disso, coma uma refeição leve, de fácil digestão, ou apenas petisque em alguns lanches.

Preocupações

Não se preocupe com o número de agulhas que estão envolvidas na acupuntura. A acupuntura envolve agulhas e não há como contorná-la. Você não pode esperar acupuntura sem agulhas. Portanto, você deve se permitir acostumar a este fato antes de receber um tratamento. Se você não se acostumar, você vai ficar estressado durante a sessão, o que minimizará a eficácia da mesma.

Precauções

Não coma muito antes de ir para a sua consulta. Embora você não deva entrar de estômago vazio, pois pode sentir náuseas se o fizer, o recheio só vai fazer você se sentir mal. Ao invés disso, planeje fazer um lanche cerca de uma hora ou duas antes do horário da consulta.

Reveja qualquer medicamento que você esteja tomando para determinar se algum deles está contra-indicado durante a acupuntura. Converse com o acupunturista ou seu médico para descobrir o que você precisa para parar de ingerir antes da consulta. Não tome nada antes, durante ou depois que possa dificultar o resultado do tratamento.

O tratamento deve ser sempre agendado em um momento de relaxamento. Tentar fazer acupuntura diretamente após um evento estressante ou tributário fará com que seu tratamento seja menos bem sucedido que o normal. A melhor opção é fazer sua consulta em uma hora do dia em que as janelas antes e depois do tratamento estejam relativamente calmas. Isso permitirá que você colha todos os benefícios do tratamento.

Se você se sente frequentemente lento e como se estivesse ficando sem gasolina muito antes do final do seu dia, considere o que a acupuntura pode fazer por você. A maioria das pessoas tem a impressão de que é só para a dor, mas essa não é toda a verdade! A acupuntura pode ajudar a rejuvenescer você e dar-lhe mais energia para lidar com o seu dia.

Dicas Extras

Se você está interessado em acupuntura mas não pode arcar com isso, pergunte ao seu médico se ele o aceitará como paciente em uma escala móvel. Muitos praticantes oferecem este serviço, pois percebem os benefícios de saúde oferecidos por esta terapia. Tipicamente, você pagará apenas o que você pode pagar ou concordará com um pagamento em massa por vários tratamentos.

Veja o tempo que uma visita demora antes de ir à consulta inicial. Você precisa permanecer relaxado durante sua consulta. Saiba quanto tempo demora a sua consulta, depois reserve tempo suficiente para agendá-la.

Ouça música durante a sua sessão de acupuntura. Escolha algo que o relaxe completamente, e não algo que o faça sentir-se bem. Lembre-se, é tudo uma questão de relaxar. A música clássica é uma ótima escolha, ou você pode optar por uma forma relaxante de jazz. Tudo bem se você estiver relaxado até o ponto de quase dormir. Isso vai ajudar seus músculos a responder ao tratamento.

Alguns pacientes apresentam corrimento nasal ou gripe leve, como sintomas após um tratamento de acupuntura. Na medicina chinesa, acredita-se que constipações e gripes estão na raiz de muitas enfermidades dentro do corpo. Estes sintomas são apenas a forma do corpo liberar toxinas, e normalmente não duram por muito tempo. Faça o seu melhor para se manter confortável durante este tempo, e você logo voltará à saúde ótima.

Roupas adequadas

É melhor usar algumas roupas soltas na sua consulta de acupuntura. Roupas soltas ajudarão seu acupunturista a alcançar todos os lugares onde ele ou ela precisa colocar alguns pinos. Além disso, roupas apertadas podem impedir a circulação do seu sangue e deixá-lo muito desconfortável durante seu tratamento de acupuntura.

Alimentação

Pergunte sobre vitaminas, remédios fitoterápicos ou remédios que você possa estar tomando. O seu acupunturista pode ajudá-lo a determinar se algum destes precisa ser adiado antes do seu tratamento. Às vezes você pode precisar evitar tomá-los entre as sessões também. Consulte primeiro e você saberá exatamente como aumentar os benefícios.

Faça muitas perguntas ao seu acupunturista antes e depois de um tratamento. Você pode aprender muito sobre acupuntura se pedir ao seu acupunturista para descrever o tratamento que ele está prestes a administrar e falar sobre as sensações que você sentiu após o tratamento. Você poderá pedir novamente o mesmo tratamento se souber o que seu acupunturista fez.

Profissional

Verifique se o seu acupunturista possui as certificações e qualificações adequadas. Pergunte sobre qualquer organização profissional da qual ele faça parte, e verifique sua posição junto a organizações como o Better Business Bureau. Você quer ter certeza de encontrar um verdadeiro profissional que tenha recebido o treinamento adequado neste campo da medicina alternativa. Fazer isso o ajudará a saber que os tratamentos são legítimos e que as suas necessidades de saúde estão sendo atendidas.

Considere sempre o seu nível de conforto quando encontrar um acupunturista. Você vai ficar confortável com essa pessoa quando estiver deitado sobre uma mesa sem roupa? Você vai se sentir bem quando ele estiver colocando agulhas em várias partes do seu corpo? Você confia nele? Se você respondeu não, é hora de procurar um outro praticante.

O seu acupunturista pode pedir para ver a sua língua. O pulso da língua é usado como parte da determinação de como seu qi, ou energia corporal, está fluindo. Tanto seus níveis de estresse quanto sua freqüência cardíaca serão observados. Ele usará todas essas informações para adaptar um plano que se adapte às suas necessidades.

Pensamentos finais

Agora você sabe um pouco mais sobre o campo da acupuntura e como ela pode influenciar o seu bem estar. Não é difícil de entender uma vez que você tenha sido introduzido às idéias acima. Agora é a hora de agir e buscar tratamento se você está sofrendo de dor ou desconforto.

Dor no ombro, Tendinite de Supraespinhoso ou Supraespinhal: Causas e Tratamento

O que é tendinite de supraespinhoso?

Tendinite de ombro são inflamações provocadas pelo atrito do tendão distal do músculo supraespinhoso na parte inferior do acrômio, que é a parte mais superior da escápula.

Ela é responsável por 90% das dores que aparecem em consultório e tem opr característica o aumento da dor ao movimento, em especial aqueles acima da linha do ombro, como pentear cabelo, pegar objetos em lugares altos, etc, portanto esses são alguns sintomas de tendinite no ombro.

Bursites e Tendinites no Ombro — Dr. Leonardo Cavinatto - Médico ...

Cid de tendinite de ombro.

Causa da tendinite

A causa da tendinite no ombro afetar uns e outros não é justamente o posicionamento da escapula. Quando a escapula esta anteriorizada, ou protusa, ela diminui o espaço que o tendão do músculo supraespinhoso tem pra deslizar sobre o acrômio e isso predispõe as dores da tendinite no ombro.

Precauções

No dia a dia a tendência é que as pessoas fiquem sempre na posição de flexão, sejam sentadas, dirigindo, trabalhando com computadores, etc.

Todos esses exemplos citados predispõe a uma má posição da escapula que por sua vez gera maior desgaste do tendão aos movimentos.

Como corrigir os ombros rodados. / Somente 5 MINUTOS! - YouTube

Tratamento de tendinite de supraespinhoso

No caso de tendinite não existe milagre, para se livrar de vez desse tipo de dor que acomete o tendão do músculo supraespinhoso ou supraespinhal é importante a consciência corporal da cintura escapular e nem sempre a solução será só tomar remédio para tendinite, más através de exercícios posturais ativos, como RPG ou outros.

Isso serve como forma de evitar que o ombro fique sobre estresse mecânico ja descrito acima e ainda permite que as melhoras alcançadas em terapias de osteopatia e quiropraxia tenham tempo agir e de se desinflamar.

Pois caso contrario sempre que fizermos uma consulta de osteopatia e quiropraxia e a pessoa não adquirir uma consciência postural o trabalho será em vão, levando muito tempo e sem o resultado esperado, levando a desistência do acometido.

Se você sofre desse problema ou conhece alguém que sofre entre em contato que temos um tratamento correto pra você.

Todas as suas perguntas sobre acupuntura respondidas aqui

A acupuntura é um tratamento que teve origem na China.

A ideia por trás disso é que um ser humano tem padrões específicos de energia para promover a saúde em geral.

Afinal acupuntura para que serve?

Se este padrão for interrompido, resultará em saúde precária veja abaixo pontos de acupuntura.

A Acupuntura busca restaurar este fluxo de energia. Você aprenderá mais sobre o conhecimento da acupuntura para ansiedade, dores e etc., a partir das dicas que você encontrará abaixo.

Se você tem medo de agulhas de acupuntura, faça o que puder para superar esse medo. A acupuntura é uma forma comprovada de aliviar a dor e voltar a desfrutar da sua vida. Não permita que o seu nervosismo o impeça de obter alívio da dor.

Converse com sua seguradora de saúde antes de agendar tratamentos em uma clinica de acupuntura. Pergunte com quais seguradoras eles estão trabalhando para que você não se surpreenda com uma conta enorme, uma dica por buscar no google por exemplo ‘acupuntura preço‘ para não ter surpresas na hora de pagar.

Saiba tudo sobre o que é acupuntura antes de ir ao seu primeiro tratamento. Entenda que as agulhas para acupuntura serão agulhas. É apenas uma parte do processo. Se você não gosta, você pode superar isso enfrentando esse medo de frente.

Pergunte aos outros que já passaram por acupuntura sobre sua experiência se ainda continuam com medo, más também sobre os benefícios da acupuntura.

A acupuntura a laser é um método alternativo inteligente à abordagem tradicional da agulha. Este tipo de acupuntura utiliza lasers ao invés do corpo, sem a necessidade de agulhas. Não há dor e muitas pessoas acham este método eficaz.

Existem certos suplementos e vitaminas que você não deve tomar ao ser tratado pesquise tudo antes de ir as compras da acupuntura. Pergunte ao seu médico ou ao acupunturista o que você deve parar de tomar antes do seu primeiro tratamento. Você não quer inadvertidamente parar o seu sistema antes ou durante os tratamentos, pois eles irão dificultar o resultado.

Nunca desista do seu plano de tratamento de acupuntura até que ele esteja concluído. Assim como qualquer forma ou medicamento, você precisa continuar indo até eles para que eles sejam eficazes. Você pode se sentir bem após alguns tratamentos e decidir parar lá, mesmo que você esteja se sentindo muito bem antes de terminar.

Descubra se o acupunturista que você quer visitar obteve uma licença do departamento de saúde do seu estado e se fez uma pós graduação em acupuntura. Alguns estados permitem que os médicos realizem acupuntura se eles completarem uma pequena série de aulas.

Certifique-se de que o seu seguro de saúde lhe dê todas as informações antes de iniciar uma sessão de acupuntura, para que você não fique estressado com esses detalhes. Isso irá relaxá-lo e permitir que os tratamentos sejam mais eficazes.

O acupunturista deve se informar sobre a fonte da dor que você está sentindo. Diga-lhes qual o efeito que isso tem em você no dia-a-dia. Cada pedaço que você disser ao seu acupunturista irá facilitar as decisões de tratamento com um manual de acupuntura direta ao ponto.

A acupuntura praticamente nunca causa dor. As agulhas de acupuntura usadas são extremamente finas e você não pode ser visto de vários pés de distância. Você pode sentir um beliscão quando a agulha é inserida, mas provavelmente você não sentirá nada.

Embora você geralmente não sinta dor de acupuntura, você não saberá como seu corpo responderá até sua primeira sessão. Fale com o acupunturista se você está sentindo um pouco de dor quando acha que dói mais do que deveria.

Tire um tempo da sua agenda ocupada para descansar depois de cada sessão. Tente ficar pelo menos oito horas após uma sessão.

Procure um acupunturista. Basta procurar por “acupunturista” e adicionar a sua região local. Você também pode procurar em sites como www.NCCAOM.org e www.fredericofisioterapia.com.br. A agência acupuncturista onde você pode encontrar profissionais licenciados em sua região.

Muitas pessoas se sentem totalmente relaxadas após uma sessão de acupuntura. A acupuntura limpa a mente e deixa você se sentir melhor. Ligar a TV vai simplesmente bombardear seu cérebro.

Se o seu praticante faz algo que você não gosta, pedimos educadamente para não ter que fazer novamente. Existem várias técnicas envolvidas com a acupuntura. Isso envolve ter as agulhas aquecidas para estimular áreas do seu corpo usando o calor. Se você se sentir desconfortável, diga ao seu acupunturista.

Saiba que a acupuntura pode deixar pontos vermelhos e possivelmente hematomas na pele tratados pela acupuntura. Isto é normal após a sua consulta de acupuntura. Você não deve ficar bravo ou alarmado.

Descanse após o procedimento estar completo. Reduza as atividades diárias e evite atividades intensivas. Vá para a cama em uma boa noite de descanso. Você terá melhores resultados com seus tratamentos de acupuntura se você tiver descansado bastante antes.

Algumas pessoas experimentam liberação emocional quando têm acupuntura feita. Você pode experimentar algumas emoções inesperadas durante a sua sessão. Seu acupunturista não ficará surpreso se você rir ou soluçar os pacientes o tempo todo. Liberações emocionais são bons indicadores do tratamento.

A acupuntura é tão eficaz hoje quanto era há 2.500 anos. O conhecimento fornecido aqui ajudará você mesmo a fazer uso da acupuntura. Consulte este artigo se você tiver alguma dúvida

Osteopatia

Osteopatia, quiropraxia no tratamento de dores cervicais e torcicolos

Osteopatia. O que é? Para que serve?

A Osteopatia ainda é um tratamento desconhecido do grande público em geral. Mas vem se tornando uma grande aliado principalmente em se tratando de dores, em especial na coluna, principalmente por ser um tratamento rápido não invasivo, isto é, não cirúrgico. É claro que em alguns casos quando o problema se tornou demasiadamente grave essa opção não é descartada, tudo em vista da melhor qualidade de vida do paciente.

Essa é uma área da fisioterapia ortopédica que se iniciou nos EUA no século XIX pelo Dr. Still e se espalhou pelo mundo de forma exponencial até chegar ao Brasil na década de 90. Para entender melhor é preciso entender que os princípios da Osteopatia são a de que a estrutura governa a função e vice versa, isto é, quando a estrutura (ossos, músculos, ligamentos, discos, etc) esta em sofrimento a função será alterada, gerando dificuldades em realizar as atividades diárias, assim como se a função for comprometida, isto é, a limitação de movimentos provocados por uma dor, as estruturas sofrerão com isso.

O tratamento com Osteopatia visa a liberação de áreas em que estão bloqueadas propiciando a retomada da função normal de todos os segmentos do corpo, com isso a mecânica se reorganiza naturalmente aliviando os sintomas de dor. Para isso o profissional usa de várias técnicas como os famosos thrusts que são as manobras de estalos que provocam a imediata função do segmento bloqueado, assim como liberações de músculos e fáscias, bem como ligamentos e tendões, tudo feito de forma manual sem auxilio de equipamentos ou aparelhos externos. Dessa forma ela pode ser realizada em um ambiente simples e que necessita simplesmente do conhecimento do profissional devidamente formado.

Os bloqueios podem ocorrer pelos mais diversos motivos, sejam eles físicos, como um tropeção, acidentes, esforços repetitivos, mas também emocionais como estresse, tristeza, medo e ainda problemas químicos, como alimentação, fumo, ou remédios em excesso, que afetam os órgãos e vísceras, interferindo na função normal do organismo trazendo dores.

A Osteopatia têm muito o que crescer no Brasil pois nossa população necessita de profissionais que sejam resolutivos no tratamento de dores que causam tantos prejuízos a população de forma geral. A divulgação via mídias sociais vem trazendo muitas informações e abrindo essa opção fantástica para o publico entender e buscar esse tipo de profissional.

Dores no pescoço, os famosos torcicolos

Quando pensamos em dores no pescoço nós lembramos, sem exceção, dos famosos torcicolos.

Normalmente aparecem ao passarmos muito tempo em uma determinada posição e ao mudar repentinamente, ele aparece.

Isso ocorre por que os músculos que se adaptaram a aquela posição inicial permanente não consegue, por meio de falha no comando neural, liberar o movimento ao mudar de posição de forma abrupta, e isso gera uma espécie de curto circuito nós nós músculos do pescoço, impedindo-o de voltar ao seu estado de relaxamento.

Normalmente o tratamento de um torcicolo é muito rápido com técnicas de osteopatia, quiropraxia e até mesmo liberação miofacial e acupuntura.

Mas apenas um profissional gabaritado deve tentar ajustar isso pois, apesar de parecer não é tão simples.

Ao fazermos as correções osteopáticas e quiropráticas a melhora é percebida instantaneamente e não é necessário a ingestão de medicamentos. Se não conhece, entre em contato que teremos enorme prazer em ajudar.

Boa semana a todos!

Osteopatia, Quiropraxia e Acupuntura em Franca SP

Desde que comecei a trabalhar com osteopatia e quiropraxia ou acupuntura tenho tido, sem demagogia ou falsa modéstia, uma taxa de sucesso acima de 80% em se tratando de dores de coluna lombar, torácica e cervical (90% dos casos) e membros que são afetados tanto por dores irradiadas dos problemas axiais quanto por problemas pontuais em articulações.

Claro, que na maioria das vezes preciso de ao menos 3 consultas para uma melhora relatada de ao menos 80%. Apos a alta consequentemente encaminho o paciente para exercícios de fortalecimento e alongamentos que atuarão como manutenção da melhora a longo prazo, com algumas consultas de manutenção, na maioria das vezes uma vez ao mês.

Percebo contudo que o mais difícil no processo terapêutico é a entrega do paciente à terapia, tanto no sentido de assiduidade das consultas quanto no sentido de entender que o tratamento ira mudar seu padrão corporal e isso de inicio pode gerar alguns desconfortos até que a mudança seja de fato definitiva.

E essas fase de adaptação provavelmente exigira deste paciente mudanças de sua rotina, como a quebra de alguns paradigmas ou mudanças de padrões cotidianos.

Sendo assim entendo que a busca pela terapêutica e assim sendo pela melhora de algo que incomoda, deve começar no plano energético, isto é, na vontade.

Se preparar para mudanças e para enfrentar uma fase de transformações exige planejamento e atitude, algo que é pre requisito para qualquer coisa que realmente faz sentido na vida.

Portanto se você deseja mudanças na sua saúde e no alivio de dores se prepare e faça, pois todo o universo conspirará para que se torne real!!

Cervicobraquialgia, o que é? Como ocorre? Como tratar? Osteopatia, Quiropraxia, Acupuntura em Franca SP

Ultimamente venho recebido em consultório diversos casos de dores que se iniciam na região cervical (pescoço) e que “andam” para o braço. As causas para essa condição pode ser tão vasta quanto a própria vida, pois cada pessoa possui sua identidade postural, e isso por si só diferencia as causas das dores do João e da Maria, mesmo que os sintomas sejam exatamente os mesmo. Protusões ou hérnias discais, espondiloartroses (artrose na coluna cervical) são as consequências de um processo de posturas inadequadas a longo prazo. E esses fatores causam uma compressão da raiz nervosa que sai da coluna. Que por sua vez gera dor por toda a extensão do nervo que percorre o corpo, oriundo dessa raiz. Dai a explicação do porque a dor “anda”.

imagem : https://www.hong.com.br/cervicobraquialgia-o-que-e-causas-e-sintomas/

Os sintomas podem ser 3, agindo de forma isolada ou em conjunto.

1- Dor: local ou irradiada

2- Parestesia: dormência, pode também ser local ou irradiada.

3- Paresia: dificuldade de movimentação de algum segmento ou falta de força no mesmo.

Tudo isso resulta em uma perda progressiva da qualidade de vida da pessoa, primeiro como um incômodo mas depois passa a restringir as atividades de vida diária (AVDs) que incluem dirigir, lavar louça, tomar banho, entre outras.

O tratamento correto é interromper o processo causador da compressão, isso é retirar de sobre a raiz nervosa qualquer estrutura que a esteja comprimindo e assim os sintomas somem naturalmente justamente por ter-se retirado o fator causador.

O tratamento medicamentoso é importante principalmente no inicio dos sintomas a fim de controlar a inflamação resultante desse tipo de agressão. E a cirurgia deve ser vista com muita cautela visto que a região é extremamente sensível e vital, e qualquer erro causa tetraplegia ou morte.

Tudo o que vem entre o medicamento e a cirurgia é de competência do fisioterapeuta, e esse deve ser de fato competente para que o tratamento não seja focado apenas em sintomas mas sim no processo causador, como foi explicado acima.

Normalmente em casos graves demoro de 1 a 2 meses para obter melhoras significativas ou curas desse tipo de problema e em seguida os encaminho para manutenção em algum tipo de atividade física. Sendo assim o uso de drogas fica restrito apenas ao necessário e a cirurgia é descartada.

Enfatizo que a conduta deve ser levado muito a serio no sentido de participação ativa do paciente em todos os retornos e nas orientações a fim de que o tempo de tratamento seja reduzido, evitando recidivas…

aos que gostarem do post e quiserem mais informações entre em contato pelo tel: (16) 99167-9057 ou (16) 99117-3434.

Grande abraço a todos e desculpem os erros de português, ma o objetivo é ser conciso e prático. rsrs…

Osteopatia em Franca

O profissional osteopata hoje é uma virtude da profissão de fisioterapia como um todo.

Na minha opinião a fisioterapia deve ser o mais independente possível, não podendo se ater a equipamentos e técnicas que exijam mais de tecnologia do que de conhecimento, desta forma acho que a volta ao trabalho manual além de ser lindo é a essência da profissão.

Quando coloca-se as mãos nos pacientes, e digo isso a você fisioterapêuta, nos tornamos parte do plano biologico e com isso estamos aptos a identificar alterações que vão fazer mudar a vida do nosso paciente e não apenas trata-lo.

Hoje no Brasil temos dois problemas a enfrentar caro colega, a osteopatia não tem concorrência, temos sim a falta de coleguismo e de organização para nos impor como profissionais perante o loby médico e a sociedade que desconhece nossa técnica.

Por isso apenas uma pequena fatia do mercado nos procura como primeiro atendimento, pensando que é necessário passar pelo médico antes.

Outra coisa é o despreparo de cursos que vendem o osteopata como simplesmente estralos e o profissional sai pensando que qualquer barulho é tratamento e com isso ‘queima o filme’ da profissão.

O bom osteopata sabe fazer triagem tão bem ou melhor que muitos médicos por ai, e se houver a necessidade de encaminhamentos isso será feito sem protecionismo, pensando unicamente em resolver o problema da pessoa para que ela reconheça nosso papel e com isso fortaleça a profissão.

Enfim, essa é apenas minha opinião e gostaria de agradecer a todos os meus pacientes e colegas que acreditam que a osteopatia veio para ficar e que será em breve muito maior, em termos de publico, do que já é.

dor no tornozelo

Dor no Tornozelo: Causas e Tratamentos

Introdução Você já teve dor no tornozelo? Se sim sabe como é limitante e como é difícil levar uma vida normal com …

Qual Esporte Escolher Para Evitar Dor nas Costas?

Você sabia que quatro em cinco pessoas sofrerão em algum momento de suas vidas de dor nas costas? Mas isso não significa …

CLÍNICA DE FISIOTERAPIA O QUE É? E COMO ENTENDER SUAS ESPECIALIDADES?

Bom, quando se pensa em clínica de fisioterapia logo vem a mente um espaço grande, com muitos aparelhos e pessoas indo …