Blog

Dozen of articles. Improve your lifestyle now!

Óleos essenciais: confira 7 benefícios

Um prontuário médico digital pode encaminhar o paciente para os mais diversos tipos de tratamentos. 

Um deles, de maneira complementar ao tratamento tradicional, é a aromaterapia.

O objetivo desse tipo de terapia é beneficiar a saúde e o bem-estar físico e emocional, e para isso, ela utiliza os óleos essenciais.

Existem muitas formas alternativas de melhorar a qualidade de vida das pessoas, e tem entre os tratamentos existentes nesse âmbito, está a aromaterapia, que vem sendo procurada por um número cada vez maior de pessoas.

Os cuidados com a saúde e o bem-estar vão muito além de ir ao médico e fazer exercícios físicos, além da adoção de uma dieta equilibrada.

Os óleos essenciais ajudam a relaxar a mente e a trazer sensação de tranquilidade, é por essa razão que eles vêm sendo cada vez mais procurados pelas pessoas.

Entretanto, apesar de estarem em alta, muitos ainda não compreendem o significado desses olhos, de que maneira são usados e quais são os seus benefícios.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar o que são os óleos essenciais, como funcionam, quais são os seus objetivos, suas funções e os benefícios trazidos por eles ao nosso dia a dia.

O que são óleos essenciais

Óleos essenciais nada mais são do que substâncias sintetizadas, armazenadas e liberadas por diferentes tipos de plantas, portanto, sua origem é totalmente vegetal.

O uso desses elementos tem como finalidade trazer benefícios para a saúde e aumentar a sensação de bem-estar físico e emocional, dentro do tratamento com aromaterapia.

Esses olhos também podem ser utilizados para acalmar, ajudar no processo de cicatrização, e ainda funcionar como bactericida, fungicida e inseticida.

Para uma pessoa que está procurando tratamento em uma clínica de reprodução, é uma forma de equilibrar a mente e aumentar as chances de sucesso com o procedimento.

Esses olhos são obtidos por meio de técnicas de extração de diferentes tipos de plantas e suas partes, como:

  • Folhas;
  • Raízes;
  • Sementes;
  • Frutos;
  • Flores.
  • Caule.

Seu funcionamento se dá por meio de substâncias que compõem o aroma e desprendem partículas que estimulam as células nervosas.

Isso ativa áreas do cérebro relacionadas a emoções e sentimentos e por conta disso também podem desencadear reações fisiológicas.

Seu objetivo é ajudar o indivíduo a lidar com os seus distúrbios, como ansiedade, insônia, desconfortos, dores, além de produzir sensações estimulantes e relaxantes.

Entretanto, para alcançar todos esses objetivos, é necessário saber escolher o tipo de óleo, pois cada um apresenta um efeito.

A lavanda, por exemplo, é utilizada para combater problemas de insônia, enquanto o óleo de limão ajuda a desenvolver e melhorar a inteligência cognitiva.

Médicos osteopatas e outros especialistas vêm estudando os efeitos dos óleos essenciais como combatentes de diversos problemas fisiológicos.

Mas, é comprovado que a aromaterapia por meio dos óleos essenciais ajuda a reduzir a ansiedade, aumenta a sensação de relaxamento, melhora a qualidade de sono, traz sensação revigorante e melhora a saúde feminina.

Esses olhos também tratam doenças respiratórias, ajudam a diminuir dores musculares, estimulam o sistema imunológico, melhoram o desenvolvimento cognitivo e aumentam a concentração.

Diversos tratamentos podem ser melhorados com a ajuda dos óleos essenciais, como no caso da hemodiálise. 

Os pacientes desse tratamento são mais ansiosos e sofrem com problemas de insônia, depressão e estresse.

Por meio dos óleos essenciais, eles conseguem combater esses efeitos e as dores de cabeça provenientes do tratamento podem ser amenizadas.

Os sintomas da menopausa também podem ser minimizados, como ansiedade e depressão. 

As dores provenientes da dilatação do colo do útero para o parto também podem ser amenizadas, além de agilizar esse processo.

Outro problema que pode ser tratado, juntamente com as opções médicas tradicionais, é a dismenorreia, mais conhecida como cólica menstrual.

Portanto, podemos dizer que assim como uma marmita fit para semana, o objetivo do uso dos óleos essenciais é trazer mais saúde e qualidade de vida para todos, e tudo isso se explica por meio de suas funções.

Funções dos óleos essenciais

Os óleos essenciais possuem diferentes funções, como ajudar as pessoas a acordarem mais revigoradas, reduzir a pressão arterial e melhorar a respiração.

O óleo indicado para isso é a lavanda, pois ela reduz a intensidade de pensamentos agitados que mantêm a pessoa acordada por mais tempo.

Ela também ajuda a reduzir a pressão sanguínea, os batimentos cardíacos e a temperatura da pele, para que a pessoa possa ter uma boa noite de sono.

A salvia é um óleo essencial que tem a função de reduzir a pressão sanguínea, reduzindo também as taxas de respiração. 

Em um teste realizado com mulheres, elas conseguiram reduzir o estresse e tensão em exames médicos.

Assim como alguns remédios manipulados, os óleos essenciais de hortelã são ótimos para acordar e fazer as pessoas se sentirem mais alertas, melhorando também a memória.

O óleo de laranja pode ser colocado no ambiente de trabalho, fazendo com que as pessoas se sintam mais relaxadas e menos ansiosas.

Quanto ao óleo de alecrim, no ambiente de trabalho, ele ajuda na execução precisa de tarefas mentalmente muito exigentes, pois estimula o funcionamento do cérebro.

A canela também está presente na composição dos óleos essenciais, sendo muito recomendada para profissionais como motoristas, para que estejam sempre alertas e concentrados.

Por sua vez, o óleo de eucalipto ajuda a combater problemas como nariz escorrendo e congestionamento nasal, pois é capaz de reagir com as mucosas e reduzir a presença de muco.

O óleo de bergamota faz com que as pessoas se sintam mais positivas, além de bem-humoradas. 

Além de todas essas funções, os óleos essenciais trazem muitos benefícios para os usuários.

Benefícios do uso de óleos essenciais

Os óleos essenciais podem ser utilizados em casa ou dentro das empresas, como as prestadoras de serviços de pet shop, e eles trazem muitos benefícios, como:

1. Sensação de relaxamento

Óleos de lavanda e camomila ajudam a aliviar o estresse e ansiedade, por conta disso, eles trazem mais sensação de relaxamento e melhoram o humor.

A lavanda possui um efeito calmante, melhorando as respostas corporais e diminuindo sentimentos negativos, como o medo.

2. Melhora a digestão

Óleos de gengibre, toranja, açafrão, camomila e eucalipto auxiliam tratamentos para refluxo, indigestão, dores de estômago, úlcera e gastrite.

O gengibre, por exemplo, pode ser até mesmo recomendado por um ortopedista para cachorro para melhorar as propriedades gastro-protetivas, combatendo problemas como úlcera.

3. Pele mais saudável

Esses óleos também podem ser utilizados para tratamentos de acne, caspa, celulite e até picadas de insetos.

Um dos mais utilizados nesse sentido é o óleo de melaleuca, excelente de pele, visto que possui bactericidas, anti fúngicos e antissépticos.

4. Melhora a libido

Não é de hoje que os óleos essenciais são utilizados para melhorar a libido, juntamente com outros tratamentos, como os de disfunções sexuais.

Dentre os mais populares na busca de equilíbrio hormonal e saúde sexual estão sálvia, sândalo, neroli e gerânio.

5. Reduz a fadiga

Muitas pessoas procuram especialista em acupuntura para tratar dores que podem provocar fadiga, e junto com os óleos essenciais, ela também pode ser combatida.

A depressão é outra doença que pode provocar fadiga mental, mas um estudo realizado com alguns tipos de óleo essencial, como a lavanda, mostrou que as pessoas alcançam sensação de relaxamento e melhora do humor.

Além disso, pessoas que utilizam o óleo de alecrim têm um estado maior de alerta e atenção, o que também ajuda a reduzir a fadiga.

6. Benéfico para os tratamentos de câncer

Os óleos essenciais também podem ajudar nos tratamentos contra o câncer, pois eles reduzem o estresse, aliviam as dores e trazem mais sensação de bem-estar para os pacientes.

Os efeitos colaterais da quimioterapia também diminuem, como náusea, insônia, depressão, dentre outros.

Dentre os tipos mais usados nesse sentido estão o óleo de gengibre, lavanda, rosa e gerânio.

7. Reduza as dificuldades respiratórias

Pacientes que fazem oxigenoterapia hiperbárica podem investir em óleo essencial para combater bactérias, mofos e outros problemas que desencadeiam problemas respiratórios.

O óleo pode ser utilizado para inalação ou fusão, além de abrir as vias aéreas, e dentre os tipos mais comuns para isso estão o eucalipto, olíbano, limão, orégano e mirra.

Conclusão

Portanto, os óleos essenciais possuem diferentes funções e podem trazer muitos benefícios para as pessoas. Independentemente de qual seja a sua necessidade, eles ajudam em tratamentos médicos e melhoram a qualidade de vida.

Neste artigo, você conheceu alguns dos principais tipos e quais são os objetivos de seu uso. Adotar o óleo essencial é uma forma de beneficiar o seu dia a dia e a sua saúde física e emocional, por meio de uma série de vantagens que vimos aqui.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Write a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Quais instituições oferecem empréstimo pessoal para negativados?

A facilidade do meio virtual aumentou o número de empresas que fazem empréstimos online; veja quais delas também trabalham …

O que é e como funciona o leasing?

Modalidade é opção a mais para quem quer usufruir de um bem sem se endividar.   O leasing é uma modalidade …

8 ‌exercícios‌ ‌para‌ ‌fazer‌ ‌diariamente‌ ‌durante‌ ‌o‌ ‌seu‌ ‌tempo‌ ‌de‌ ‌trabalho‌

O tempo para a academia está escasso, mas é possível incluir exercícios no trabalho, durante o expediente e sem atrapalhar …