Dicas de Fisioterapia para Pacientes e Fisioterapeutas

Leia nossos artigos. Melhore o seu estilo de vida agora!

Prontuário médico digital: o que é e qual a sua função

Com a difusão do ambiente digital para a rotina de empresas e profissionais, diversas ações passaram a ser facilitadas pela tecnologia. Isso inclui a área de medicina em toda a sua expansão: desde teleconsultas até a adoção de prontuário médico digital.

No entanto, primeiro é preciso entender o que é o prontuário. Trata-se de um documento criado pelo profissional médico constando concisamente todas as informações do paciente, incluindo histórico familiar, descrição de sintomas, resultados de exames e afins. 

 

Ele é feito em um hospital ou no próprio consultório médico e deve ser detalhado com a maior riqueza possível, contendo a base de compreensão e início de tratamento no médico. Dessa forma, ele surge como uma forma de tornar uma assistência ao paciente. 

 

Em resumo, é um conjunto de informações e documentos que apresenta o histórico de atendimentos de saúde de uma pessoa, contendo resultados de exames, prescrições e registros de ações realizadas. 

 

Por exemplo, certamente ao chegar em um consultório, um paciente que deseja fazer um procedimento de flacidez na barriga tratamento, deve informar se possui algum histórico de doença, como diabetes, o quê já fez para tratar, entre outros. 

 

Com isso, é possível perceber que trata-se de um recurso muito importante para os atendentes da saúde compreenderem tudo o que foi feito, o que foi descartado e o que ainda precisa ser feito, organizando o trabalho em geral. 

 

Isso porque ele permite que os profissionais visualizem o estado do paciente no momento presente, descubram rapidamente quais ações já foram realizadas e quais medicamentos já consumidos, tornando o trabalho deles mais direcionado, sem repetições. 

 

Dessa maneira, o médico é capaz de decidir quais serão as próximas etapas a fazer no tratamento daquele paciente de forma segura, aumentando consideravelmente as chances de sucesso dos procedimentos. 

Sobre a versão eletrônica do prontuário

Os prontuários médicos ganharam uma versão digital ou eletrônica, permitindo que suas funções sejam mantidas, mas possibilitando aos profissionais da saúde um acesso facilitado e tornando o atendimento mais dinâmico. 

 

Ou seja, ele garante acesso ao histórico de um paciente a partir de qualquer aparelho eletrônico conectado à internet, seja um celular ou um notebook novo

 

É interessante destacar que é um recurso totalmente seguro, com acesso liberado por meio de um login e senha e outras ferramentas que apenas o proprietário conhecerá, evitando destruições, roubo de dados e até interferência deles. 

Quais os objetivos do prontuário digital, afinal?

Com a mesma função de um prontuário físico, o prontuário eletrônico possui alguns diferenciais que facilitam a vida do profissional, assim como do paciente. 

 

A seguir, separamos algumas vantagens de adotar o prontuário em seu formato digital:

1 – Agiliza troca de informações

Em alguns casos, os médicos desejam receber a informação externa de um colega, como forma de garantir que o tratamento indicado será a melhor opção e que o diagnóstico foi feito corretamente.

 

Quando ele possui um prontuário, o qual contém todas as informações essenciais para esses profissionais, no meio digital a ação de análise e envio é muito facilitada e agilizada, uma vez que é uma forma rápida de enviar. 

 

Basicamente, o serviço se torna mais simples de ser enviado, pois ele não precisa enviar fotos do material físico ou realizar o deslocamento dele, mantendo-o em um único ambiente, além de agilizar o processo, garantindo uma confirmação momentânea das hipóteses. 

 

Na prática, quando uma pessoa deve realizar um pagamento bancário para uma empresa, atualmente ela pode enviar uma mensagem pelo celular pedindo a entrega de documentos via PDF para completar o processo, sem gastar tempo para buscá-los. 

2 – Diminui os retrabalhos

Usar o prontuário digital elimina a necessidade de, sempre que um novo médico entrar no cenário, ter que refazer todo o processo de perguntas, análises, tratamentos, nomes de medicamentos e exames. 

 

Todos têm conhecimento que os momentos iniciais de tratamento demandam uma grande parcela de tempo do paciente com a realização e teste de procedimentos novos, o que prejudica a motivação das pessoas para buscar soluções para seus problemas. 

 

Portanto, quando sua versão eletrônica é utilizada, um médico obstetra particular ou qualquer outro consegue ter acesso rápido a todas as informações e podem apenas atualizá-las de acordo com o desenvolvimento do que foi realizado.

 

Dessa forma, um tempo muito valioso consegue ser poupado, além dos gastos com diversos exames que, muitas vezes, não teriam que ser feitos pela segunda vez. 

3 – Acompanhar a evolução

Mais um ponto fundamental do prontuário digital é permitir que os médicos atuantes consigam acompanhar a evolução de cada tratamento utilizado, uma vez que ele permite uma integração facilitada de todos os dados essenciais. 

 

Assim, ao visitar pela primeira vez um médico, ele consegue analisar todos os sintomas e características daquela pessoa, incluir no prontuário com seus exames e imagens, permitindo que, quando refeitos no futuro, uma comparação prática possa ser feita. 

 

Desse modo, o profissional consegue entender quais pontos mudaram e os que permaneceram inalterados, identificando e refletindo sobre diferentes formas de tratamento para cada um dos tópicos necessários.

 

Para facilitar o entendimento, um médico que indicou a um paciente pilates para coluna, pois ele viu que havia um problema em uma vértebra, consegue, depois de um período de tratamento, ver a imagem inicial e a final e entender se a recomendação foi a melhor. 

 

Isso acontece pois os sistemas ficam unidos, adaptando-se completamente à tecnologia, não exigindo o uso de papel contínuo para a junção de informações. 

 

Portanto, para garantir sucesso em todas as estratégias aplicadas, ele precisa entender se os resultados estão evoluindo como deveriam, por meio de uma comparação realizada pelo prontuário digital. 

4 – Análise de todo o histórico

Supondo que um paciente frequentava uma clínica de drenagem linfática facial teve de interromper devido a outros tratamentos, mas deseja recomeçar as sessões, ele não precisa realizar todo o período de teste novamente e de análise de informações. 

 

Isso ocorre pois o estabelecimento conseguirá acessar o prontuário que ficou armazenado, contendo todos os seus dados essenciais e sua reação ao tratamento, garantindo a continuidade, mesmo após o período de pausa.

 

Logo, não importa há quanto tempo o paciente não revisita o médico, ele não precisará refazer a fase inicial de seu tratamento, afinal, o profissional terá acesso às informações anteriores e quais suas características. 

 

Além disso, se alguma doença hereditária estiver sendo procurada e analisada, o médico pode acessar o próprio histórico da família, caso sejam pacientes também, o que facilita mais ainda a tarefa de análise dele.

5 – Integração de setores

O prontuário digital tem como objetivo permitir uma integração entre os setores no todo o processo envolvendo um paciente e o seu tratamento, uma vez que, por usar a tecnologia, dispensa as distâncias e facilita o compartilhamento de informações. 

 

Por exemplo, quando uma empresa realiza o conserto tela apple watch 3, ela pode criar um grupo em plataformas de mensagens instantâneas, informando sobre quais etapas já foram feitas e quais ainda faltam, assim como os materiais usados. 

 

O mesmo acontece com o prontuário eletrônico, pois nele serão armazenados os resultados dos exames feitos, os medicamentos receitados, entre outros, permitindo que os envolvidos tenham um conhecimento pleno de tudo o que foi feito e do que ainda precisa ser realizado.

6 – Fornecer ao médico informações reais

Muitas vezes, ao visitarem um médico, as pessoas podem omitir certas informações por medo ou outros motivos. Um dos objetivos do prontuário médico digital é garantir que as informações essenciais sejam reais e verídicas. 

 

Isso porque ele conseguirá analisar todos os exames realizados, os procedimentos testados, os que ainda são aplicados e o histórico médico, diminuindo as chances de ter problemas devido a comunicação ineficaz. 

 

Explicando na prática: quando uma pessoa leva uma máquina de café expresso automática até a loja de compra para consertar devido a uma falha, o funcionário conseguirá acessar no sistema quando ela foi comprada e entender os motivos do dano.  

 

Dessa forma, ele terá um conhecimento completo de se o consumidor realmente sabia o que devia fazer e se ela ainda está na garantia, permitindo o acesso com mais propriedade, essenciais para decidir as próprias ações. 

Funcionalidades desse recurso digital

Até aqui, ficou claro que o prontuário digital é importante para facilitar o acesso aos dados e informações de um paciente em uma consulta, principalmente para o profissional que o atende.

 

Mas, algumas de suas demais funções estão listadas abaixo:

 

  • Facilitar e diminuir o tempo gasto para acesso;
  • Diminuir o gasto de papel;
  • Garantir uma segurança completa dos dados;
  • Compreensão universal dos dados contidos no prontuário;
  • Diminuir a possibilidade de perda por meio do backup;
  • Armazenamento contínuo das informações;
  • Diminuir espaço físico para guardá-los;
  • Melhorar a qualidade dos diagnósticos.

 

Assim, incluir o recurso do prontuário digital às clínicas, se ainda não foi feito, pode ser uma estratégia muito benéfica em diversos tópicos, objetivando o alcance de melhores desempenhos. 

Conclusão

A tecnologia afetou diversas áreas do cotidiano das pessoas e continuará se desenvolvendo dessa forma, o que mostra que estabelecimentos devem estar cada vez mais preparados, principalmente na área da saúde.

 

Os prontuários médicos digitais surgem como uma forma de auxiliar tanto os médicos, quanto os pacientes, e podem ser um recurso facilitador do trabalho e da vida de todos os envolvidos.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Escreva um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

7 benefícios para criar um blog de fisioterapia

Muitas pessoas confundem blog com site, mas eles são diferentes em seu conceito, principalmente, no que diz respeito ao …

Óleos essenciais: confira 7 benefícios

Um prontuário médico digital pode encaminhar o paciente para os mais diversos tipos de tratamentos. 

4 benefícios do pilates para idosos

A prática de pilates para idosos pode ser uma ótima indicação, tendo em vista que a atividade é uma das que melhor se …