Tag Archives: hérnia de disco

Degeneração discal e a Osteopatia / Quiropraxia

Ha algum tempo venho falando sobre os benefícios da osteopatia e quiropraxia, citando sempre as duas técnicas juntas pois aprendi as duas e fica quase impossível separa-las pois têm grande parte das manobras compartilhadas.

O grande leque de possibilidades que essas ciências abrangem demonstra que em se tratando principalmente de coluna e dores, não ha hoje melhor opção para o tratamento não invasivo, isto é, não cirúrgico. É claro que em alguns casos quando o problema se tornou demasiadamente grave essa opção não é descartada, tudo em vista da melhor qualidade de vida do paciente.

O assunto que trago hoje é sobre a degeneração discal. O disco intervertebral é uma estrutura fibrogelatinosa localizada nos espaços entre cada uma das vértebras da coluna, e tem a função de amortecer e flexibilizar a coluna, permitindo o movimento e ao mesmo tempo preservando as articulações do peso corporal.

Em casos quando o disco sofre, seja por excesso do uso, em casos de pessoas que fazem trabalho braçal, ou em casos em que a postura corporal é desleixada, fazendo o peso incidir sobre algum disco em detrimento de outros, algo deve ser feito. Para a osteopatia dois passos são fundamentais nesse processo, que são: remover os bloqueios acima e abaixo do local lesionado, e por fim direcionar o centro de gravidade para a posição ideal, a fim de dividir a tarefa para as dezenas de discos que ainda estão saudáveis e por consequência eliminar a sobrecarga sobre o disco lesionado.

Os procedimentos levam em torno de 2 meses e devem ser feitos regularmente para que ocorra a remissão dos sintomas. O sobre peso e o excesso em atividades do dia a dia devem ser diminuídos assim como o aumento das atividades preventivas e de manutenção como o Pilates e o RPG.

Todos os comprometimentos que afetam a coluna devem ser tratados com prioridade, pois é la que se encontram as informações e comandos que percorrem o corpo, além de ser o eixo central de todo o corpo humano, gerando estabilidade e afetando todo o organismo.

 


Hérnia de disco, osteopatia e quiropraxia

henia anteshernia depois

Olá pessoal, estou aqui hoje para falar sobre algo que é considerado o mal do século. Hoje em Franca, a cada 10 pacientes com dores relacionados a coluna 7 tem hernia de disco.

O numero de pessoas com hérnia de disco tem aumentado nos últimos anos, e se tornado uma das causas mais comuns de dores e reclamações de inabilidade relacionados a coluna, principalmente lombar e cervical.

A formação da hérnia de disco se da, normalmente, pela somatória de alguns fatores, como má postura no dia a dia, seja para posicionar-se no trabalho, movimentos forçados como abaixar se curvando para pegar objetos no chão ou até mesmo pelo modo de se sentar na cadeira do tabalho, no carro ou no sofá de casa. O certo é que os acometimentos mais graves e agudos se dão em movimentos combinados de flexão de tronco com rotações.

É importante salientar que sobrepeso pode ser um complicador, mas não é sempre um fator determinante para acometimentos com hérnias de disco. Ha diversos casos de pacientes com herniações importantes mesmo dentro da faixa de peso considerada normal.

A osteopatia e a quiropraxia tem um papel muito importante nesse tipo de caso, pois atua na causa e não no sintoma da hérnia, promovendo uma descompressão local e evitando muitas vezes a cirurgia, quando o tratamento é levado a sério.

A qualidade de vida é algo que nos dias atuais tem muita importância, pois as possibilidades de vida de alguém com dores crônicas se tornam muito limitadas e frustrantes e trazem outras consequências indesejadas, por isso a prevenção é sempre a forma mais fácil de evitar esse mal. Atividade física associada a uma vida regrada em sono, alimentação e sem substâncias que interfiram no funcionamento normal do corpo são as peças chaves para aumentar a longevidade e aproveitar com mais qualidade a vida.

 


Hernia de disco

th

Para entender melhor o que é hernia de disco, primeiramente é necessário que aja clareza com relação ao que é e para que serve o disco intervertebral.

O disco intervertebral como o próprio nome refere, fica localizado entre as vértebras da coluna, desde a cervical até a lombar. É formado por um anel fibroso externamente, que serve para proteção do núcleo pulposo centro.

A herniação deste disco, ou seja, a projeção de parte desse disco para fora de seu local de atuação caracteriza-se a hernia. Esta pode ser apenas um abaulamento da parte fibrosa do disco, o que não gera mais que um leve desconforto local. Mas ha casos em que ocorre o que chamamos de uma hérnia estrusa. Esta consiste no fato do núcleo pulposo ser projetado para fora da área entre as vértebras, pressionando a raiz dos nervos ou a medula. Nesses casos os sintomas são de dor intensa, normalmente com irradiada para outras áreas como o ciático e os braços.

O tratamento com fisioterapia tradicional e medicamentos normalmente não consegue muitos resultados devido ao fato de agir apenas nos sintomas e não na causa da dor.

A cirurgia pode ser uma opção em casos mais extremos, porém não é garantia que esta opção seja bem sucedida e o preço do pós operatório pode gerar diversas outras complicações.

A forma mais eficaz de tratamento para hernia de disco atualmente é o trabalho conjunto da osteopatia com a maca de flexo distração. Estas atuam de forma a eliminar as pressões que agem sobre o disco herniado, retomando gradativamente os movimento naturais da coluna, o que direciona o disco para sua posição original, eliminando assim a causa dos sintomas.

Os resultados são positivos já a partir da terceira sessão e o tratamento leva cerca de 2 meses.

Para saber mais comentem o post e entrem em contato pelo facebook em Frederico Fisioterapia.

 


Quiropraxia é bom para hérnia de disco?

A hérnia de disco ocorre quando o disco intervertebral se “desloca” em direção a medula ou mesmo o recesso lateral, onde passa as raízes nervosas que vão compor os nervos das extremidades do corpo, vísceras e nervos sensitivos que nos faz o sentir na pele.

 

  A faixa etária dos acometidos é entre 35-55 anos. Os sintomas são bem específicos e em muitos casos visíveis. Se a pessoa estiver com uma inclinação para frente e lateral (posição antálgica), estiver com dificuldade para realizar a marchar (andar claudicante) e com uma dor intensa no local (coluna Lombar especialmente) as chances de ser uma hérnia de disco são grandes. Porém outros sintomas são relevantes para o diagnóstico preciso, como por exemplo: dores que irradiam entre a coluna lombar até os pés (geralmente em um pé), formigamento na perna sem causa aparente, fraqueza nas pernas e em alguns casos o paciente fica acamado obrigatoriamente.

   A grande maioria das pessoas que vem aqui com o diagnóstico de Hérnia de Disco já se preocupam com uma possível cirurgia, primeiramente a condição que leva a cirurgia são na realidade duas: Trauma gravíssimo na coluna lombar e Síndrome da Cauda-Equina, são não houver essas condições confirmadas, sempre é importante considerar o tratamento conservador como a Quiropraxia.

Todo bom tratamento de Quiropraxia tem que ser composto de objetivos bem delineados e factíveis para alcançar o resultado desejado.

1 – Eliminar qualquer sintoma neurológico com irradiação para membros inferiores (Fraqueza, formigamento, adormecimento) – quer dizer que o nervo está novamente com sua passagem pelo forame intervertebral preservado ou mesmo a medula espinhal pela sua passa na coluna vertebral.

2 – Eliminar qualquer dor local decorrente a mudança funcional e estrutural da coluna. (Subluxação, encurtamento muscular e outros) – A maioria dos casos de Hérnia de Disco ocorre por mau cuidado em relação postura e a utilização da mecânica do corpo humano obviamente inclui a coluna vertebral. Portanto a correção funcional e mecânica é necessária.

3- Estabilização muscular e articular da região acometida –  (Fortalecimento e Propriocepção) – O fato de retirar as imperfeições mecânicas não quer dizer que está totalmente reabilitado pela Quiropraxia, é necessário fortalecer três grupos musculares: Os paravertebrais lombar, abdômen e glúteos com rotadores do Quadril. Assim teremos uma melhor tonificação muscular e isso consequentemente gera a estabilidade para utilização posterior da coluna lombar.

Temos que considerar as variantes de cada paciente, porem o tratamento para hérnia de disco na Quiropraxia (e seus benefícios) deve conter os 3 pontos de objetivos.

Em relação ao protocolo aplicado para correção, na Quiropraxia existe vários como protocolo de Cox, Mckenzie entre outros. Somente um Quiropraxista associado a ABQ (associação Brasileira de Quiropraxia) pode decidir o melhor caminho com segurança.

Todo bom tratamento de Quiropraxia tem que ser composto de objetivos bem delineados e factíveis para alcançar o resultado desejado.

1 – Eliminar qualquer sintoma neurológico com irradiação para membros inferiores (Fraqueza, formigamento, adormecimento) – quer dizer que o nervo está novamente com sua passagem pelo forame intervertebral preservado ou mesmo a medula espinhal pela sua passa na coluna vertebral.

2 – Eliminar qualquer dor local decorrente a mudança funcional e estrutural da coluna. (Subluxação, encurtamento muscular e outros) – A maioria dos casos de Hérnia de Disco ocorre por mau cuidade em relação postura e a utilização da mecânica do corpo humano obviamente inclui a coluna vertebral. Portanto a correção funcional e mecânica é necessária.

3- Estabilização muscular e articular da região acometida –  (Fortalecimento e Propriocepção) – O fato de retirar as imperfeições mecânicas não quer dizer que está totalmente reabilitado pela Quiropraxia, é necessário fortalecer três grupos musculares: Os paravertebrais lombar, abdomen e glúteos com rotadores do Quadril. Assim teremos uma melhor tonificação muscular e isso consequentemente gera a estabilidade para utilização posterior da coluna lombar.

Temos que considerar as variantes de cada paciente, porem o tratamento para hérnia de disco na Quiropraxia deve conter os 3 pontos de objetivos..

Devemos lembrar que levou tempo para o corpo atingir certo grau de degeneração, então é normal e compreensivo esperar um determinado tempo para sua recuperação.

Removendo-se a subluxação articular e devolvendo o bom funcionamento e uma congruência ideal para articulação, há um alívio dos sintomas e remissão da dor.

Procure um quiropraxista e viva bem e com plenitude…


Para que serve a quiropraxia? Dores de coluna

Essa matéria mostra quais são as indicações, sinais e sintomas que a quiropraxia pode ajudar a resolver. Casos como dores de coluna, dores na região cervical, torácica, lombar, ciático, entre outras são as principais indicações para essa técnica da fisioterapia.